Talvez o destino queira a gente junto

Talvez a gente devesse mesmo quebrar a cara algum dia. Uma, duas ou até mesmo três ou mais vezes. Talvez devêssemos perder aquela partida que queríamos tanto ganhar. Talvez fosse a hora de passarmos no vestibular. Talvez devêssemos ouvir aquele “não” que temíamos ouvir. Talvez fosse pra eu te encontrar. Talvez fosse pra ser como é. Talvez fosse pra ser nós.

E será.

Pode parecer besteira, mas eu acredito em destino. Acredito que tudo acontece por algum motivo. E tu me aconteceu. Tu me fez enxergar o que eu já não enxergava mais. Mostrou que posso enfim acreditar novamente no que chamamos de amor. E por ti, eu acredito.

Quando sofremos muito por algo passamos a desacreditar em coisas reais. “Amar é verbo, não pronome possessivo.” e essa é uma das maiores verdades relacionadas ao romance. Confiança é a base, isso todos devemos aprender. Até mesmo eu, amador nessa área, tive de aprender isso.

Após algumas decepções amorosas a gente passa a ter medo de amar. Medo de sentir algo de novo. Sentimos medo, mas em algum momento da vida, em um momento inesperado, encontramos um novo alguém que nos reinvente, nos transforme, e nos faça enxergar que nada está perdido e que pode enfim acreditar. Alguém que te diga “vamos” e você faça de tudo pra ir. Que não só queira, mas que faça também. Que ame o lado bom, mas que aprenda a amar o outro lado. Que saiba amar e ser amado. Que diga “te amo”, mas que não só diga, mas sinta também.

Por vezes me pego pensando sobre a imensidão. Por vezes a gente acaba esquecendo que uma galáxia imensa existe lá em cima. Repleta de sentimentos e emoções. E mesmo sabendo que nesse universo tão vasto somos apenas um minúsculo conjunto de poeira estelar, eu amo cada átomo existente em ti.

“O presente nada mais é do que o momento em que o passado e o futuro se beijam.” — Lucas Silveira.
Talvez o destino queira a gente junto. Aliás, não só ele como eu também.

Autor: Eduardo Agostta (Medium)

Comentários

comentários

Powered by Facebook Comments

Encontrou erro em alguma publicação ou gostaria de fazer alguma sugestão para o nosso blog? Entre em contato conosco.