Eu não pedi para ser complicada, mas estou aqui para lutar

Eu gostaria de não me sentir dessa forma. Desejaria poder fingir que nada do que sinto é verdade, e fazer a escolha de nem mesmo escrever sobre isso, mas você sabe, guardar as coisas por tanto tempo assim não é o meu forte.

No fundo, sei que você tem se perguntando se ainda é possível que a nossa história tenha uma continuação. Eu respondo que, sim, é possível. Mas a parte triste? Isso nunca vai acontecer.

[ler_mais]Eu sei, em cinco anos você provavelmente vai se casar com a garota que está ao seu lado agora, você vai ter a vida que sempre quis. Vai ter o seu apartamento na cidade e você terá um local favorito para tomar café e levá-la também. Você vai ter um cachorro para cuidar e fazer companhia. Você terá tudo o que precisa e tudo o que quiser. E eu? Bom, eu não estarei em sua vida.

Eu me tornei o seu passado. E o seu futuro parece muito mais brilhante do que eu. Provavelmente, daqui há cinco anos ainda escreverei sobre você. Ainda estarei aqui, compondo minhas músicas na companhia do meu violão, pensando no que fomos e no que poderíamos ter sido. Ainda sonharei com você.

Talvez, eu só esteja apaixonada pela pessoa que você costumava ser. Aquele que me comprou um anel gravado nele  “eu te amo” três vezes. Aquele que me fez esquecer minhas preocupações e sempre segurou a minha mão. Aquele que mapeou o nosso futuro juntos. E o único que sempre me prometeu outro amanhã. Mas, às vezes, a vida nos surpreende e não sai como planejado.

O tempo passou, você não é mais aquela pessoa. Você não é mais a pessoa que eu me lembro. Eu não sei o que você está fazendo agora, não sei que música você está praticando no seu violão, ou qual a música irá gravar. Eu não sei para quem você tem escrito as suas músicas. E eu, com certeza, não conheço a pessoa que se despediu de mim.

Para mim, você ainda não é o cara que disse adeus. Você não é o cara que quebrou o coração. Você ainda é meu. Aquele que disse para sempre e sempre. O único que sempre me prometeu o mundo. E sempre que esse cara decidisse voltar, eu diria a ele mil vezes que sim. Porque esse cara, que me amou, nunca viraria as costas para mim. O cara que me amou nunca mentiu. O cara que me amou não iria quebrar uma promessa. Então, só sei que onde quer que esteja e seja o que esteja fazendo, eu vou sempre dizer que sim. E eu nunca vou me arrepender.

De: Ariel Currant
I Didn’t Ask for Complicated, but I’m Here for the Fight

[/ler_mais]

Comentários

comentários

Powered by Facebook Comments

Encontrou erro em alguma publicação ou gostaria de fazer alguma sugestão para o nosso blog? Entre em contato conosco.